Com certeza você já ouviu a expressão “deu pane” por aí, não é mesmo? Mas o que significa isso? Ou melhor, o que significa pane elétrica no veículo? Neste artigo, iremos responder a estas perguntas e dizer o que você deve fazer caso essa situação ocorra com você.

Além disso, vamos contar como se prevenir de uma pane elétrica e quais são suas principais causas. Afinal, o ideal é que esse evento não aconteça. Quer se informar sobre tudo isso? Acompanhe o texto!

Pane elétrica: o que é

A expressão “deu pane” quer dizer que algo não está funcionando como deveria. Quando falamos sobre pane elétrica em veículos, significa que o sistema elétrico automotivo está com falhas. Por consequência, tudo para de funcionar. O caminhão não liga, nem o rádio ou os faróis.

O sistema elétrico automotivo é composto por peças que transportam e distribuem a energia para os locais necessário dentro do veículo. Ou seja, é o sistema que alimenta o veículo. Geralmente, quando o sistema para de funcionar, os motivos estão relacionados ao desgaste de bateria ou mau funcionamento do alternador.

O que são esses dois componentes? Veja abaixo:

  • Bateria: É o dispositivo responsável por transformar a energia química em energia elétrica dentro do automóvel. A bateria também tem a função de armazenar energia elétrica.
  • Alternador: Já o alternador transforma energia mecânica em elétrica. Ele fornece essa energia ao sistema elétrico do veículo e recarrega a bateria.

O que fazer quando uma pane elétrica acontece? Descubra agora!

Pane elétrica: o que fazer

Ao ser pego de surpresa por uma pane elétrica, o mais importante é saber como agir. Afinal, é preciso lidar e resolver a situação. Então, fique atento às nossas dicas. Depois explicaremos quais as causas da pane e como evitar que elas aconteçam.

Mantenha a calma

É provável que você esteja fazendo algo importante no momento em que a pane elétrica acontece e isso causa um estresse. Porém, é indispensável manter a calma, principalmente, se o acontecimento envolve algum risco. Por exemplo, estar na estrada a noite e sozinho.

Respire e saia do carro ou caminhão para entender melhor a situação. Antes de analisar os sistemas do automóvel, veja se há algum sinal de fumaça e fogo. Mantenha-se a uma distância segura do veículo.

Sinalize a pane elétrica

É comum que a pane elétrica aconteça em uma rodovia ou qualquer outra via pública. Por isso, o motorista e os passageiros, se houver, devem sair do veículo e sinalizar para as outras pessoas que o automóvel não está funcionando.

Peça ajuda

Provavelmente não será possível resolver o problema sozinho. Quanto antes a proteção veicular for acionada, é melhor. Por isso, é sempre bom buscar proteção veicular com atendimento 24 horas por dia.

Verifique a situação do veículo

Esse é, na maioria das vezes, o primeiro passo de motoristas quando uma pane elétrica acontece. Porém, a recomendação inicial é prestar atenção na sua segurança e de outras pessoas, para evitar algum evento.

Neste momento, o ideal é verificar a situação do veículo para informar aos profissionais que cuidarão do automóvel. Avalie as peças que podem estar relacionadas à falha, como alternador, bateria, sistema de injeção eletrônica, entre outras.

Não é indicado fazer nada com o veículo se não tiver conhecimento suficiente. Principalmente a famosa chupeta na bateria, que pode trazer danos a outros sistemas do automóvel. 

Pane elétrica: causas e como evitar

Qualquer automóvel possui uma série de sistemas que precisam funcionar perfeitamente para que não ocorra uma falha generalizada. Então, as causas da pane elétrica estão diretamente relacionadas às peças e aos sistemas do veículo.

Para evitar esse problemão, vamos conhecer os principais fatores que fazem o automóvel parar, além da bateria e do alternador. Leia abaixo 5 causas recorrentes:

  1. Fusível queimado;
  2. Superaquecimento da bobina;
  3. Danos nos chicotes elétricos;
  4. Ressecamento ou rompimento da correia do alternador;
  5. Falha no sistema de injeção eletrônica.

Então, como evitar a pane elétrica?

Com tantas causas, parece um pouco difícil evitar uma falha geral do automóvel, correto? Errado! Na verdade, a melhor solução é manter as revisões do veículo em dia. Assim, quando surgir qualquer imprevisto, eles serão detectados logo no início, evitando a pane elétrica.

Além disso, fique atento aos sinais que o veículo dá. Como o corpo humano, os automóveis apresentam sintomas de que algo não está indo bem. Por exemplo, a demora para o carro ou caminhão pegar, luz da bateria acesa no painel e outras anormalidades no funcionamento.

Outra dica para lidar melhor com a situação, caso ela aconteça, é contar com uma proteção veicular especializada, como a AVEP. Pois assim, você e o seu veículo estão seguros, com assistência personalizada e a todo momento. Isso tudo sem burocracia.E aí, irmão de estrada, quer ter uma proteção especial para você? Conheça nossos benefícios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *